27
Ago
12

JOVEM VIOLADO EM PRISÃO DE ALTA SEGURANÇA

A 1 de Abril passado havia 13 285 presos nas cadeias portuguesas. Tendo em conta que um recluso custa, em média, 40 euros por dia, segundo já foi assumido publicamente pelo próprio director-geral das prisões, Rui Sá Gomes, os 13 285 reclusos custam ao Estado 531 mil euros por dia.

O que se passa nas prisões é segredo dos deuses: temos conhecimento que a droga continua a entrar nas calmas, presos usam telemóveis perante a complacência de guardas que pouco ou nada fazem para evitar a entrada dos aparelhos, vendidos a preços exorbitantes e, volta e meia, tem-se conhecimento de acções violentas vitimando reclusos. Como aconteceu naquela que é considerada uma das prisões mais seguras do País, o Estabelecimento Prisional anexo à PJ que já albergou alguns dos famosos cá do burgo (Vale e Azevedo, Carlos Cruz, Duarte Lima, Oliveira e Costa entre outros…).No passado sábado,18, à hora em que a TV transmitia o Benfica/SP Braga, um jovem ali detido por pequenos furtos ( não se entende este critério de colocar um recluso acusado de crimes menores ao lado de criminosos de alto coturno, uma situação só explicável pela sobre lotação dos  estabelecimentos prisionais) foi violado por dois companheiros de cárcere, eles também jovens, com 17 e 18 anos. Chegou a resistir e foi violentamente agredido, isto perante o estranho alheamento dos guardas prisionais,já  alvo de um inquérito por parte da Direcção Geral dos Serviços Prisionais. A vítima não se queixou seguindo à risca os códigos de silêncio entre presos. Sendo de menor idade, trata-se de um crime público e a investigação foi entregue à PJ que ali «convive» paredes meias com esta prisão…onde este caso inédito ocorreu.

NOVO RECORDE DE PRESOS

Segundo dados que apurámos, há um novo recorde nas prisões portuguesas: o número de presos ultrapassou, pela primeira vez desde 2004, os 13 mil.A Direcção-Geral dos Serviços Prisionais (DGSP) revelou que a 1 de Abril havia 13 285 presos nas cadeias portuguesas: 10 482 condenados (79,7 por cento), 2663 preventivos e ainda 140 inimputáveis. Tendo em conta que um recluso custa, em média, 40 euros por dia, segundo já foi assumido publicamente pelo próprio director-geral das prisões, Rui Sá Gomes, os 13 285 reclusos custam ao Estado 531 mil euros por dia.

Depois de no final do ano passado o número de reclusos ter ultrapassado os 12 mil, o que já não acontecia desde 2006, agora chegou mesmo aos 13 mil. No final de Dezembro estavam detidas 12 681 pessoas, o que significa que, em apenas quatro meses, foram presas mais 604 pessoas. Em relação a 2012, a DGSP apenas disponibiliza as mais recentes estatísticas quinzenais, o que permite perceber que a tendência de aumento do número de reclusos mantém-se: entre 15 de Março e 1 de Abril, recolheram às cadeias 72 pessoas. De acordo com os mesmos dados, que não estão discriminados quanto ao tipo de crimes, 80 por cento dos presos são portugueses e 20 por cento são estrangeiros, percentagem que se tem mantido sem grandes oscilações ao longo dos anos. O mesmo acontece em relação às mulheres, que representam apenas 5,6 por cento da população prisional, que está dividida em estabelecimentos centrais, especiais e regionais.

AUMENTO DA CRIMINALIDADE ALTERA LEIS

Nos últimos anos, a maior queda da população prisional verificou-se em 2008, precisamente após a entrada em vigor das leis penais que restringiram a aplicação da preventiva e alargaram a possibilidade de suspensão da pena. Nesse ano, o número de reclusos baixou pela primeira vez dos 11 mil. No entanto, o Verão quente de 2008 acabou por estar na origem de novas alterações penais, e desde então a população prisional tem vindo a aumentar progressivamente. “Há mais crime e mais crime violento, e as polícias andam mais nas ruas”, diz um magistrado ao CM.

SOBRELOTAÇÃO ATINGE 1541 RECLUSOS

As cadeias portuguesas têm uma lotação de 12 077 reclusos, mas o número já foi largamente ultrapassado, com 13 285 presos nos 51 estabelecimentos prisionais. De acordo com as estatísticas oficiais mais recentes, referentes a 1 de Abril, actualmente há 1541 presos a mais nas cadeias, sendo que a sobrelotação já não é apenas um problema dos estabelecimentos regionais (969 presos em excesso), atingindo também os centrais (572 reclusos a mais).


2 Responses to “JOVEM VIOLADO EM PRISÃO DE ALTA SEGURANÇA”


  1. 1 Viver com Dignidade
    Agosto 27, 2012 às 2:47 pm

    As prisões estão cheias porque as leis que temos incentivam a actos criminosos mais graves porque as leis são suaves e dos pequenos delitos passam a delitos mais graves e vai por aí em diante. Veja-se os menores, quantos crimes têm que cometer para ser severamente punidos? Só quando atingem a maior idade e cometem crimes graves e oriondos e são presos é que veiem que o que estão a fazer não é o correto. Durante a menor idade está tudo perdoado e tem que desculpar o menino que pensa que pode ser sempre assim. Enquanto as leis do País for o deixa andar, enquanto as leis do País defenderem mais os gatunos, os violadores, os pedófilos, enfim os criminosos contra quem os combate, este País não irá ter solução e em menos de um ápice estaremos, como estamos em muitos assuntos ( droga, sida, epatites etc ) á frente da europa. Falta-nos um bocadinho para estarmos á frente, mas do que é negativo. Continuo a dizer que interessa este estado de coisas assim, pois que enquanto o salazar dividia para reinar, agora divide-se a quinta ( Portugal ) em parcelas e dão-se aos amigos, os novos ricos e gulosos que tudo querem e pouco deixam. Como dizia o saudoso JOSÉ AFONSO, «eles comem tudo e não deixam nada» são os vampiros, eles estão aqui juntamente com o alibabá e os quarenta ladrões, eles já se reproduziram e são muitos que, tudo devoram.

  2. 2 Vasco
    Agosto 28, 2012 às 9:38 am

    Porque é que, infelizmente, isto não me espanta?

    Vasco
    htpp://vascoricardo.blog.com


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: