02
Abr
12

FUGA DE ASSASSINO DE POLÍCIAS FACILITADA POR UMA…PARAGEM DE TAXIS

 

A evasão de três detidos da prisão de Coimbra é digna de uma anedota do Solnado

 Mais um rigoroso inquérito foi aberto neste país, desta feita, pela Direcção-Geral dos Serviços Prisionais para apurar as circunstâncias da fuga de três reclusos do Estabelecimento Prisional de Coimbra no domingo à tarde. O ‘Pecas’, 37 anos, líder do gang que assaltava multibancos e que, em 2005, foi co-autor do homicídio  do chefe Sérgio Martins, da PSP de Lagos, após mais uma tentativa de roubo, está entre os três reclusos que ontem fugiram da cadeia de Coimbra, onde cumpria pena de 22 anos de cadeia. Os outros  evadidos são autores de crimes de furto e ofensas à integridade física.

 

A fuga ocorreu durante a tarde. Os três presos saltaram o muro, furtaram um carro e escaparam a grande velocidade. Naturalmente que o inquérito visará apurar eventuais responsabilidades do corpo prisional que deixou escapar, em plena luz do dia, os três detidos. Isto quando os mesmos se entretiveram, durante semanas, a escavar um túnel da ala onde se encontravam de forma a terem acesso à cave do edifício central, uma área que estava desaqctivada e,por isso, sujeita a menor vigilância, tudo isto sem terem sido detectados.

Já que estamos em maré de encontrar responsabilidades, também seria interessante apurarr quem permitiu ( ou negligenciou) que junto ao muro com cerca de sete metros de altura, que constituía o último obstáculo na fuga para a Rua de Tomar, tivesse sido «plantada» uma paragem de taxis, cujo teto serviu de amparo na queda dos três evadidos.

E, já agora, neste pingue pongue de atribuir culpas, saber se têm algum fundamento as  queixas do Sindicato dos Guardas Prisionais que há muito vem alertando para a escassez de guardas que vigiam os 500 presos deste Estabelecimento,alguns dos quais, como o «Pecas«, autênticos inimigos públicos.  

Também curioso o facto de um dos evadidos, depois de ter dado o «salto», dirigiu-se a uma outra artéria rua Alexandre Herculano e furtou um carro, que conduziu até junto da cadeia e aguardou pelos restantes. Tudo isto sem ser detectados pelos guardas, os quais só deram pela fuga na contagem ao final do dia.. E eram 18. 30 da tarde quando os três comparsas se puseram ao fresco!!! Um episódio digno de uma charge do Solnado, do tipo, «A minha ida à Guerra..neste caso, à prisão»

Anúncios

0 Responses to “FUGA DE ASSASSINO DE POLÍCIAS FACILITADA POR UMA…PARAGEM DE TAXIS”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: