03
Mar
12

CASO BPN – QUEM É, AFINAL, O INGÉNUO?

Que terá levado Cavaco Silva a vender apressadamente as acções que ele e a filha detinham no BPN? Será este um dos óbices, ou ingenuidades, como classifica Marques Mendes, que levaram o PSD a tentar impedir um inquérito parlamentar ao BPN?

No seu habitual comentário das sextas-feiras no TVI 24, Marques Mendes apelidou de «ingénuo» o PSD e que o partido sofreu uma derrota ao tentar impedir que a AR aprovasse uma comissão de inquérito ao caso BPN. «Quem não deve não teme», referiu o antigo líder social-democrata, manifestando a sua incredulidade face a este autêntico «tiro no pé» dado pela bancada «laranja», explicando que estar em curso a privatização do banco nunca poderia constituir um obstáculo ao levantamento de um inquérito a um dos processos mais escandalosos da banca portuguesa.

Pois, cá para nós, o ingénuo será Marques Mendes, pois, ao que se sabe, um inquérito aos acontecimentos que tiveram lugar no banco que vai ser controlado pelos angolanos do BIC é uma matéria melindrosa para um partido que tanto pugnou pela transparência nas últimas eleições legislativas. Um autêntico caso de polícia em que estão enredados, não só o antigo presidente – Oliveira e Costa – em julgamento com medida de coacção imposta usar uma pulseira electrónica –  o antigo conselheiro de Estado e responsável da instituição que se livrou de «trabalhos» como por «artes mágicas», Dias Loureiro, o qual nunca conseguiu explicar de forma convincente qual o papel desempenhado pelo Banco Insular de Cabo Verde no «buraco» de milhões do BPN e até…Cavaco Silva. E convém lembrar o que uma testemunha revelou no julgamento de Oliveira Costa, dizendo que o ex-presidente do BPN vendeu, em 2001, a Cavaco Silva e à sua filha 250 mil acções da Sociedade Lusa de Negócios, a um euro cada, quando antes as adquiriu a 2,10 euros cada à offshore Merfield.

Respondendo a perguntas dos juízes do julgamento do caso BPN, o inspector tributário Paulo Jorge Silva disse “não ter explicação” para o facto de o principal arguido, José Oliveira Costa, ter perdido 1,10 euros em cada acção que vendeu a Aníbal Cavaco Silva e à filha do actual Presidente da República, Patrícia Cavaco Silva Montez.

O inspector das Finanças, que participou na investigação, precisou que de um lote de 250 mil  de 1.750.000 de acções da Sociedade Lusa de Negócios (SLN) que Oliveira Costa adquiriu à Merfield, em 27 de Março de 2001, a 2,10 euros por acção – 100.360 acções foram adquiridas por Cavaco Silva e 149.640 acções por Patrícia Montez, em ambos os casos a um euro por acção, em 18 de Abril de 2001.

Sublinhe-se, a propósito, que também em declarações à TVI24, após o debate que teve lugar nas últimas eleições presidenciais com Francisco Lopes, Cavaco Silva voltou a afirmar o que já havia sido divulgado em 2008 através de comunicado:  “Nunca trabalhei no BPN, nunca comprei nem vendi nada do BPN, nunca recebi qualquer remuneração do BPN, é um caso de Justiça e o Presidente da República não deve interferir nos processos judiciais”…Vendeu ou não vendeu as 250 mil acções?…Mentiu ou mentiu, o que, para um PR, não deixa de ser…melindroso…  

«O Crimedigoeu» sabe que muita matéria em segredo dos deuses sobre o processo BPN estará em poder de forças partidárias pronta a ser agregada ao tal inquérito que agora vai ter «asas para voar». Importa, sobretudo, saber se a iminente queda da instituição, com passagem de informação privilegiada, terá propiciado a venda das acções detidas por Cavaco Silva e a filha, e com elevado prejuízo, se houve um favor contratual na transacção efectuada por ambos. Há muita coisa por esclarecer…

Anúncios

0 Responses to “CASO BPN – QUEM É, AFINAL, O INGÉNUO?”



  1. Deixe um Comentário

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: